Home Política Prefeito de Mirante (BA) é afastado do cargo por desvio de R$ 4 milhões em falsas licitações

Prefeito de Mirante (BA) é afastado do cargo por desvio de R$ 4 milhões em falsas licitações

3 min read
Comentários desativados em Prefeito de Mirante (BA) é afastado do cargo por desvio de R$ 4 milhões em falsas licitações
0
112

A Polícia Federal de Vitória da Conquista  realizou uma operação na cidade de para desmontar um esquema de fraudes em licitação, desvio de recursos públicos, corrupção e lavagem de dinheiro no município de Mirante, centro-sul do estado. A Operação Belvedere foi deflagrada na manhã desta terça-feira (20) e investiga o prefeito Hélio Ramos silva (PMDB), além do presidente da Comissão de Licitação, empresários e servidores públicos de outros municípios. O Tribunal Regional Federal da 1ª Região, afastou o chefe do executivo do cargo por tempo indeterminado.

De acordo com a PF, o prefeito era o responsável pelo esquema criminoso. Com a ajuda do presidente da Comissão, eles formalizavam a licitação para favorecer uma das empresas envolvidas na organização criminosa. a empresa vencedora repartia os recursos públicos que seriam repassados.

Para despistar as autoridades, o prefeito transferia o dinheiro para conta corrente de um servidor municipal. O município de Mirante repassou mais de R$ 4 milhões para as empresas envolvidas no esquema.

Ainda segundo a polícia, o grupo contou com a atuação de servidores dos setores de licitação, pessoal e finanças, todos com ligação com Hélio Ramos.

Foram cumpridos na manhã desta terça-feira oito mandados de busca e apreensão, bloqueio e sequestro de bens e valores de R$1.095.000,00, 11 mandados de condução coercitiva, seis mandados de suspensão do exercício da função pública e a proibição de adentrar nas dependências da prefeitura para o prefeito, a primeira dama e outros servidores públicos ligados ao esquema, nas cidades baianas de Mirante, Livramento de Nossa Senhora, Bom Jesus da Serra, Poções, Planalto e Feira de Santana.

Os responsáveis pelos crimes deverão ser enquadrados por fraude à licitação, corrupção ativa e passiva, crime de responsabilidade dos Prefeitos, crime organizado e lavagem de dinheiro.

Com informações do Varela Notícias.

 

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar Mais Por Redação
Carregar mais em Política
Comentários fechado.

Vejam também

Clubes de remo de Salvador recebem barcos da Sudesb

Clubes de remo de Salvador receberam, neste domingo, 25, quatro barcos lambaris, nome atri…