Home Entretenimento Eventos Festa de Iemanjá começa com pouco movimento nas ruas

Festa de Iemanjá começa com pouco movimento nas ruas

3 min read
Comentários desativados em Festa de Iemanjá começa com pouco movimento nas ruas
0
17
-->

Realizada em todo dia 2 de fevereiro desde o início da década de 1920, a tradicional Festa de Iemanjá, reconhecida como Patrimônio Cultural de Salvador no ano passado, não terá participação popular nesta terça-feira (2).
A mudança foi feita para evitar aglomerações que podem propagar a Covid-19, já que milhares de pessoas se reúnem no Rio Vermelho para saudar o orixá. A orla do bairro ficará fechada e outras praias da capital permanecerão abertas para receber os presentes da rainha do mar.
Um desses presentes será levado por Lucina Teixeira. Ela é devota de Iemanjá e participa da festa há mais de 10 anos. Junto com as amigas, ela faz camisetas para homenagear o orixá todos os anos. Com a pandemia, será diferente.

A Festa de Iemanjá foi reconhecida como Patrimônio Cultural de Salvador no dia 1º de fevereiro de 2020. O reconhecimento foi feito pela Fundação Gregório de Mattos (FGM), para salvaguardar e promover saberes ligados à manifestação religiosa.
Antes de ganhar o nome de “Festa de Iemanjá” e a dimensão que tem atualmente, a celebração começou com 25 pescadores e era chamada apenas de “Presente da Mãe d’Água”. Esse presente era entregue como forma de pedido para que o orixá das águas salgadas resolvesse a escassez de peixes.
Só em 1950, que a dona do presente teve seu nome vinculado à comemoração. A Festa de Iemanjá é a das principal manifestação com origem nas religiões de matrizes africanas em Salvador, sem o sincretismo religioso.

Apesar da celebração à Iemanjá ser no dia 2 de fevereiro, os festejos começam ainda no dia 1º, com a abertura do caramanchão – estrutura semelhante a um galpão de proteção – ao lado da colônia de pescadores. .

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar Mais Por Redação
Carregar mais em Eventos
Comentários fechado.

Vejam também

Homem vai à delegacia registrar boletim de ocorrência e acaba preso por estupro

Um homem, de 31 anos, foi preso com mandado de prisão em aberto por estupro de vulnerável …