Home Colunistas Os Ingredientes para 2020

Os Ingredientes para 2020

6 min read
Comentários desativados em Os Ingredientes para 2020
0
206

É interessante o quanto todos os anos se repete a máxima cristã: o natal e o réveillon. O findar do ano chega para nós com uma exigência mais que obrigatória – nos tornarmos cada vez mais caridosos e revestidos do espírito do amor para com o próximo. Tempo de reflexão e de conclusão do que foi e do que não foi propício para a nossa vida durante 365 dias do ano que está findando.

A retrospectiva é necessária. O mudar não pode ser uma obrigação, mas uma evolução espiritual que devemos obter com cada experiência vivenciada. Sim, cada ano adquirimos experiências, amadurecemos, olhamos para trás e notamos o quanto passamos para não errarmos mais. É preciso acertar! Eis a máxima humana: ir sempre em frente na busca incansável de ser feliz e sempre acertar. É preciso colocar em prática tudo aquilo que foi bom e que nos edificou fazendo com que alcance mais e mais pessoas que ainda não conseguiram ou estão presas as amarras dessa vida que em muitas vezes se resume aos prazeres tão simplistas e que em nada nos evolui.

Se o colocar em prática é para nós um cilício, de nada adianta vivermos os 365 dias de um ano. O amor é a essência de toda e qualquer relação em todo o nosso cotidiano anual. Mas, em tempos de relações tão líquidas, o dar é ameaçador, o ofertar amor é preocupante e causa traumas. O papa Francisco em sua homilia na véspera do Natal desse ano já nos alertou quando disse: Enquanto aqui, na terra, tudo parece seguir a lógica do dar para receber, Deus chega de graça. O seu amor ultrapassa qualquer possibilidade de negócio: nada fizemos para o merecer, e nunca poderemos retribuí-lo.”

Outro ingrediente necessário para vivermos bem em mais um novo ano é o perdão. Quantos corações não alcançaram esse dom: o de perdoar. Quantos ainda não foram alcançados da remissão. Quantos e quantos vivem magoados e em nada poderá mudar se assim continuar. A prática da caridade e do amor deve estar acompanhada do perdão. O que o outro tem a me oferecer? Será que o erro foi totalmente dele? Como posso fazer para ajudar que o espírito dele evolua? O evoluir exige maestria no ensinar ao meu próximo como o mal deve ser combatido com o bem e com o perdão.

Em suma, com esses ingredientes necessários: o amor e o perdão, teremos sem sombra de dúvidas 365 dias de muito aprendizado, amadurecimento e evolução. Sim, é difícil e desafiante, mas não impossível. É na fraqueza humana que a fortaleza maior pode renascer por intermédio de atitudes transcendentais inerentes ao nosso espírito. É por intermédio de mais uma oportunidade que devemos doar-nos o máximo e mostrar que sim, é possível construir uma sociedade cada vez mais humana partindo primeiro de mim que alcançará os demais. Saúde, Paz, Amor e Perdão para o nosso 2020!

Por Mateus Mozart Dórea – Filósofo pelo Destino – Graduando em Direito Pela Universidade Católica do Salvador.

Carregar Mais Artigos Relacionados
  • Coronavirus x Economia

    Vivemos uma periodicidade de um vírus que surgiu e que em pouco tempo tomou proporções tão…
  • As Ganhadeiras de Itapuã

    O dia amanheceu ensolarado típico do verão que tanto gostamos aqui na Bahia e em especial,…
  • Entre o Esforço e Superação: a Sobrevivência

    Cresce o número de aplicativos que ajudam milhares de brasileiros a trabalhar informalment…
Carregar Mais Por Mateus Mozart Dórea
  • Coronavirus x Economia

    Vivemos uma periodicidade de um vírus que surgiu e que em pouco tempo tomou proporções tão…
  • As Ganhadeiras de Itapuã

    O dia amanheceu ensolarado típico do verão que tanto gostamos aqui na Bahia e em especial,…
  • Entre o Esforço e Superação: a Sobrevivência

    Cresce o número de aplicativos que ajudam milhares de brasileiros a trabalhar informalment…
Carregar mais em Colunistas
Comentários fechado.

Vejam também

Coronavirus x Economia

Vivemos uma periodicidade de um vírus que surgiu e que em pouco tempo tomou proporções tão…