Home Destaque do Dia “Prefiro ser criticado por impedir do que culpabilizado depois”, diz secretário sobre micareta aquática

“Prefiro ser criticado por impedir do que culpabilizado depois”, diz secretário sobre micareta aquática

3 min read
Comentários desativados em “Prefiro ser criticado por impedir do que culpabilizado depois”, diz secretário sobre micareta aquática
0
66

Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) confirmou que enviou equipe à praia do Porto da Bahia, acompanhada de policiais militares, para apreender o equipamento de som do DJ Maroca, que ficou conhecido por realizar uma ‘micareta aquática’ para banhistas na região.

Em nota, o chefe da Semop Marcus Passos afirmou que prefere ser criticado por impedir o ato a ser culpabilizado depois por eventuais acidentes ou transtornos que possam acontecer.

“Prefiro ser criticado por impedir a realização de um evento irregular, inconsequente, que coloca em risco a vida das pessoas, do que ser culpabilizado depois por uma ocorrência mais grave que possa vir a acontecer em decorrência disso, como crianças virem a ser pisoteadas, brigas com garrafas de vidro, afogamentos, entre outras coisas, como podemos perceber nos vídeos desse arrastão”.

Segundo a Semop, a investida acontece porque o DJ “insiste em realizar a atividade sem autorização de uso de som e também por configurar poluição sonora”.

“Inclusive, este equipamento já havia sido apreendido pela Semop por denúncias de poluição sonora nas ruas da Barra, conforme vídeos recebidos de moradores e frequentadores do bairro”, diz a nota, ao detalhar que no último sábado (5), a equipe de combate à poluição sonora da Semop foi acionada pela 11ª CIPM para intervir na referida atividade devido às diversas irregularidades desse evento e de problemas que o mesmo vem causando, como brigas na praia, risco de afogamento, além da poluição sonora.

“Mesmo sendo orientado a não mais realizar a atividade sem autorização, o responsável descumpriu a orientação e reincidiu com o evento na tarde de hoje [segunda-feira]. Conforme procedimento para todos os eventos em áreas públicas de Salvador, ficou acertado com o mesmo para dar entrada na solicitação da autorização hoje (7), na Central de Licenciamento de Eventos da Prefeitura, mas o responsável não compareceu”, explicou a nota da Semop.

Carregar Mais Artigos Relacionados
Carregar Mais Por Pedro Silveira Leite
Carregar mais em Destaque do Dia
Comentários fechado.

Vejam também

Bahia fecha preparação para duelo contra o Cruzeiro

O elenco do Bahia finalizou a preparação para enfrentar o Cruzeiro, neste sábado (20), às …